My Irreversible Point of View

Unfortunately freedom of speech is not totally respected in some parts of the world. That is why I decide to express my point of view in the name of those who are not allowed to express themselves. STAND UP, SPEAK UP! STOP THE TRAFFIK

Thursday, September 20, 2007

1962: Guerra Sino-Indiana

.

Tendo início em 10 de Outubro de 1962, a Guerra Sino-Indiana, mais concretamente conhecida por Conflito da Fronteira Sino-Indiana, foi um conflito no qual estiveram envolvidas a Força de Libertação Popular Chinesa e as forças militares da República da Índia.
Um dos principais factores que, de certo modo, contribuiu para a eclosão deste conflito consistia na disputa pela zona fronteiriça dos Himalaias, situada em Arunachal Pradesh (Sul do Tibete), por ambos os países. Um outro factor, e talvez o mais importante, era a luta pela região de Aksai Chin[1], situada na confluência de três países – China, Índia e Paquistão.
Historicamente, Aksai Chin pertencia ao Reino Himalaiano de Ladakh até inícios do século XIX, altura em que a região de Ladakh[2] foi anexada por Caxemira. Na sequência da assinatura do tratado de 1904 pelo Tibete e pela Índia Britânica, Aksai Chin passou a fazer parte integrante na Índia Britânica. No entanto, este tratado não foi visto com bons olhos nem aceite pela China, visto que esta não reconhecia, nem nunca reconheceu o Tibete como Estado soberano, considerando-o como parte dela mesma.
Para além dos factores anteriormente referidos, torna-se imperativo acrescentar uma outra causa central do conflito sino-indiano: a construção de uma auto-estrada em plena Aksai Chin. Construída pela República Popular da China, essa auto-estrada, de cerca de 2,280 quilómetros de comprimento, faz a ligação entre Yecheng, na província chinesa de Xinjiang, e Lazi, no Tibete, chegando mesmo a passar por Aksai Chin. No momento em que a Índia teve conhecimento da passagem da estrada nacional chinesa por Aksai Chin, a China resolveu construir aí alguns postos militares e estações destinadas a veículos pesados, por considerar o local uma área estrategicamente importante.
Como era de esperar, a reacção por parte da Índia não foi das melhores, pois os indianos consideravam (e consideram, ainda) Aksai Chin como parte do Estado indiano de Jammu e Caxemira. Deste modo, o país resolveu enviar tropas para a região, desafiando a China através de vários ataques armados, de forma a garantir que Aksai Chin estaria sob a admnistração indiana. Acusando a Índia de agressão, a China resolveu optar por uma posição de auto-defesa, embora o exército chinês, consciente da fraca preparação das tropas indianas, não tivesse deixado de lançar, por iniciativa própria, uma série de ofensivas militares[3].
A guerra terminou em 20 de Novembro de 1962, na sequência de uma declaração unilateral de cessar-fogo por parte da China. Uma vez que a vitória ficou do lado chinês, Aksai Chin passou a ser oficialmente administrado pela China, tendo esta feito os possíveis e os impossíveis para consolidar o controlo sobre a região. Consequentemente, foi estabelecida uma linha estratégica (Line of Actual Control), parecida à já referida Linha de Controlo, com o objectivo de separar Jammu e Caxemira (Índia) de Aksai Chin (China).
Apesar da sua curta duração, o conflito sino-indiano provocou um grande número de baixas, principalmente do lado indiano, servindo-se de profunda lição à Índia, no sentido de fazer com que esta reconhecesse a superioridade estratégica da Força de Libertação Popular.

[1] Em termos percentuais, Aksai Chin constitui cerca de 20% da área de Caxemira.

[2] Ladakh é uma região do Estado de Jammu e Caxemira situada entre as montanhas de Kunlun, a norte, e as Himalaias, a sul. Habitada sobretudo por descendentes de tibetanos e de indo-arianos, Ladakh é particularmente marcada pelas culturas budista e tibetana sendo por isso conhecida por The Little Tibet (“O Pequeno Tibete”).

[3] Para um maior aprofundamento da questão da ofensiva chinesa, vide http://en.wikipedia.org/wiki/Indo-China_War#Chinese_offensive.

1 Comments:

  • At March 21, 2008 2:21 AM , Blogger Gleydson said...

    Sou Historiador e Geografo na cidade de Natal (Brazil) e não pude deixar de notar que no mapa postado por você se dar a entender que existe ate hoje disputa de fronteiras entre a China e a ìndia, voce sabe mais sobre essa disputa atual? Agradeço pelas informações. gleydsonalbano@gmail.com

     

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home